Treinamento De Diamantes No Futebol

Treinamento De Diamantes No Futebol

Treinamento em O diamante √© uma adapta√ß√£o convencional 4-4-2 do futebol. A forma√ß√£o da equipe possui quatro defensores, quatro meio-campistas e dois atacantes, mas as posi√ß√Ķes do meio-campo s√£o diferentes da implanta√ß√£o 4-4-2 tradicional.

O diamante

O "diamante" refere-se à colocação dos quatro meio-campistas. Em vez de um meio-campo plano de quatro homens, a formação usa um meio-campo ofensivo, um meio-campista defensivo e dois dentro ou fora. Em essência, a formação do diamante é uma formação 4-1-2-1-2.

Implantação tática

Os treinadores podem usar o treinamento de diamantes como opção ofensiva ou defensiva. O papel dos meio-campistas é crucial para decidir o estilo geral de jogo da equipe. Às vezes, você verá a formação de diamante rotulada como 4-1-3-2. Isso enfatiza o papel de ataque da equipe, com um meio-campo de contenção proporcionando estabilidade defensiva por trás de três meio-campistas ofensivos. Alternativamente, um diamante 4-3-1-2 sugere uma abordagem mais conservadora, com um meio-campista defensivo apoiado por dois interiores. Esta abordagem proporciona um maior controle da área do meio-campo e oferece proteção adicional da linha defensiva, mas o meio-campista ofensivo pode ficar isolado.

Vantagens

A formação de diamantes fornece uma plataforma sólida através do centro do campo. O diamante escalonado no centro do campo permite que o time mantenha a posse da bola com o movimento inteligente dos jogadores e bons passes curtos. Um treinador também pode usar o treinamento para jogar com os pontos fortes de sua equipe. Você pode colocar seu playmaker estrela em uma posição avançada diretamente atrás dos dois grevistas, um papel para o qual o padrão 4-4-2 não se adapta tão facilmente. De acordo com o site da BBC Sport, o treinamento com diamantes também é ideal para uma equipe que não possui extremos fortes, o que permite que a equipe se concentre no centro do campo.

Desvantagens

A principal desvantagem da formação de diamantes é a falta de largura. O playmaker eo meio-campista defensivo deixam as aberturas no meio-campo. Os dois médios restantes, que tradicionalmente estariam nos lados, devem se mover um pouco para dentro para cobrir esses espaços, de acordo com o site do Talk Football. Isso resulta em uma formação mais estreita, limitando o jogo pelas bandas e tornando difícil ficar atrás das defesas opostas para enviar centros. Uma solução é usar laterais ofensivos ou pistas que dão largura ao time. Isso, no entanto, deixa lacunas na defesa de quatro homens, colocando mais pressão sobre os defensores centrais e o meio-campista defensivo solitário.

Vídeo Tutorial: Treino de futebol passando diamante progressão.

Como Este? Compartilhe Com Seus Amigos: