As Consequências Ruins De Beber Vinho

As Consequências Ruins De Beber Vinho

Muitos estudos mostraram os efeitos positivos de Beba um a dois copos de vinho por dia. Esses efeitos incluem melhor mem√≥ria, um peso saud√°vel, prote√ß√£o contra c√Ęncer de est√īmago e ov√°rio, ossos mais fortes e menor risco de diabetes. Para n√£o mencionar a lista de antioxidantes que muitos vinhos tintos t√™m. No entanto, o vinho ainda √© um √°lcool e bebe-o excessivamente, como qualquer outra bebida alco√≥lica, tem conseq√ľ√™ncias negativas.

Alcoolismo

A conseq√ľ√™ncia mais √≥bvia de beber demais √© tornar-se viciada. O alcoolismo √© definido como "um v√≠cio no consumo de bebidas alco√≥licas ou doen√ßas mentais e comportamentos compulsivos resultantes da depend√™ncia do √°lcool". As pessoas que permitem que o √°lcool afetem seu trabalho com sua vida pessoal ou aja imprudentemente podem abusar de √°lcool, mas n√£o ser alco√≥latras. Os alco√≥latras t√™m uma depend√™ncia f√≠sica do √°lcool. O alcoolismo √© considerado uma doen√ßa cr√īnica e, quando o usu√°rio p√°ra de beber, pode exibir sintomas de abstin√™ncia, como transpira√ß√£o, tremores, ansiedade e del√≠rio.

Press√£o arterial superior

Alguns estudos mostraram uma rela√ß√£o positiva entre um copo de vinho e a press√£o arterial. No entanto, outros estudos mostraram resultados mistos. Um estudo em Dallas, Texas, descobriu que, dos 24 homens testados, o vinho aumentou a press√£o sist√≥lica em m√©dia 1,9 mm Hg o aumento da freq√ľ√™ncia card√≠aca ao dormir 4, 4 batimentos por minuto. Os participantes que beberam cerveja tiveram resultados semelhantes. Dos participantes que bebiam vinho sem √°lcool, os pesquisadores descobriram que os antioxidantes n√£o tinham efeito suficiente para mitigar a press√£o arterial elevada. A American Heart Association diz que "n√£o h√° um teste de compara√ß√£o direta que tenha sido feito para determinar o efeito espec√≠fico do vinho ou qualquer outro √°lcool sobre o risco de desenvolver uma doen√ßa card√≠aca ou acidente vascular cerebral".

Eros√£o de esmalte

Os √°cidos no vinho s√£o um componente importante no processo de fabrica√ß√£o. Os √°cidos t√™m um efeito sobre o sabor, a cor eo cheiro do vinho acabado. Estes √°cidos prov√™m das pr√≥prias uvas, bem como outros ingredientes, como mirtilos e cerejas. O conte√ļdo √°cido do vinho tende a raspar o esmalte dos dentes e, ao longo do tempo, os dentes tendem a cair. Escovar os dentes imediatamente ap√≥s o consumo apenas agrava o processo ao raspar o esmalte sens√≠vel.

Doença do fígado

O consumo prolongado pode causar danos graves ao f√≠gado e resultar em doen√ßa hep√°tica. O f√≠gado funciona armazenando nutrientes vitais, produzindo prote√≠nas e enzimas e separando toxinas como o √°lcool.O f√≠gado √© o principal √≥rg√£o para o processamento de √°lcool e, como tal, √© um dos que mais correm em risco com doen√ßas relacionadas ao √°lcool. Beber t√£o pouco como um par de dias pode levar a um f√≠gado ou esteatose "gorduroso" (o est√°gio inicial da doen√ßa hep√°tica alco√≥lica). Se voc√™ continuar a beber demais, a doen√ßa se desenvolve em hepatite alco√≥lica, uma inflama√ß√£o do f√≠gado. Os sintomas incluem v√īmitos, febre, dor abdominal e confus√£o. O est√°gio final √© conhecido como cirrose alco√≥lica, em que as c√©lulas saud√°veis ‚Äč‚Äčdo f√≠gado s√£o substitu√≠das por tecido cicatricial, deixando o f√≠gado incapaz de desempenhar suas fun√ß√Ķes vitais. A cirrose alco√≥lica √© a d√©cima segunda causa de morte nos Estados Unidos.

V√≠deo Tutorial: Silas Malafaia Fala Sobre Bebida Alco√≥lica e M√ļsica Mundana [ORIGINAL].

Como Este? Compartilhe Com Seus Amigos: